Elétrica

Como utilizar o multímetro passo a passo

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 05/10/2022
Junte-se a mais de 20.000 pessoas

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabe como utilizar o multímetro?

Nesse artigo, você vai descobrir como utilizar o multímetro passo a passo para fazer a medição da tensão, corrente e resistência.

Portanto, se você quer aprender mais sobre esse assunto, então continue lendo esse artigo.

Mas antes de ler este artigo completo, conheça nossos 3 cursos com certificado reconhecido e descubra porque 2000 alunos tiveram resultados.

Curso de Projeto Elétrico na Prática

Curso de projeto elétrico na prática com engenheiro eletricista Anderson Campos

Acesse o botão verde abaixo e descubra finalmente como elaborar projetos elétricos da teoria a prática.

Curso de Eletricista Instalador

Curso de eletricista instalador com Ricardo Serpa

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como se tornar ser um eletricista instalador muito bem remunerado.

Curso de Comandos Elétricos

Curso de comandos elétricos com Jair Maciel dos Santos

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como fazer montagem e manutenção de comandos elétricos industriais e sistemas automatizados.

Escolha um dos cursos acima para saber mais e faça a sua inscrição hoje com até 50% desconto em 12x no cartão, PIX ou boleto a vista e ainda ganhe bônus exclusivos.

Como utilizar o multímetro

Para explicar como utilizar o multímetro passo a passo, vamos usar como exemplo o multímetro digital TRDT830B da RONTEK.

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo do um multímetro digital TRDT830B da RONTEK.

Como utilizar o multímetro da RONTEK

Mas é importante destacar que existem vários tipos de multímetros de diversas marcas diferentes.

Tipos de multímetros

Os multímetros podem ser classificados em analógicos e digitais.

Sendo que os modelos mais caros conseguem fazer a medição das grandezas elétricas.

Mas também possuem as funções de amperímetro para medir a corrente contínua e alternada.

Além disso, também é possível medir a capacitância, frequência de sinais alternados, a temperatura e outros.

Mas então porque escolhemos este modelo de multímetro TRDT830B da marca RONTEK, é o que precisamos explicar agora.

Porque foi escolhido o multímetro digital da RONKET

O multímetro digital TRDT830B da marca RONTEK foi escolhido porque é considerado um dos tipos de multímetros mais populares e fáceis de usar.

Na prática, ele pertence à categoria de multímetros básicos e com baixíssimo custo.

Sendo que este modelos semelhantes podem ser encontrados por cerca de R$ 60,00 em lojas e marketplaces.

Mas que permite fazer as medições de tensão elétrica em corrente contínua e alternada, a resistência elétrica e a corrente elétrica contínua.

Mas como utilizar o multímetro para medir a tensão elétrica na prática, é o que vamos aprender agora.

Como utilizar o multímetro para medir tensão elétrica

Neste exemplo vamos fazer a medição da tensão elétrica em uma tomada ou extensão de 220 Volts.

Para isso, basta girar a chave seletora na posição de corrente alternada.

Na imagem abaixo é possível visualizar a chave seletora posicionada na escala de 750 V, confira.

Como utilizar o multímetro e a chave seletora

Na imagem acima é possível visualizar que a chave seletora foi girada para a direita e posicionada para escolher a escala de 750 Volts.

Mas se a tomada a ser medida for de 127 Volts semelhante ao nosso exemplo acima.

Então a orientação é usar a escala de 200 Volts do multímetro que fica ao lado da escala de 750 Volts.

Mas se por algum motivo você não souber a tensão que será medida, então você poderá usar uma escala maior, ou seja, a escala de 750 volts para ambas as situações acima.

Em seguida, para fazer a medição de forma correta nós conectamos a ponto de prova.

Ligar a ponta de prova ao borne

Em seguida, nós precisamos conectar as pontas de prova aos bornes que estão no multímetro digital.

Na imagem abaixo é possível visualizar os três bornes do multímetro digital, confira.

Como utilizar o multímetro e os três bornes

Para fazer a medição da tensão basta conectar a ponta de prova vermelha no borne do meio e a ponta de prova preta no borne COM.

Na imagem abaixo é possível visualizar como é feita essa ligação dos bornes com as pontas de prova.

Como utilizar o multímetro com os bornes e as pontas de provas

Agora, basta conectar a ponta dos pontos de prova vermelha no polo positivo e a ponta do outro ponto de prova preta no polo negativo do elemento que será testado e descobrir o valor da tensão.

Agora vamos descobrir como utilizar o multímetro digital para medir a tensão elétrica de uma pilha, confira.

Como utilizar o multímetro para medir tensão de uma pilha

No exemplo anterior nós aprendemos como utilizar o multímetro para medir a tensão em uma tomada ou extensão.

Agora nós iremos aprender como descobrir a tensão através do multímetro digital em uma pilha de 1,5 Volts.

Para isso, basta girar a chave seletora na posição de corrente contínua para o lado esquerdo e escolher a escala de 20 volts, confira.

Como utilizar o multímetro para medir tensão de uma pilha

Diferente do exemplo anterior, nós giramos a chave seletora para a esquerda.

E isso acontece porque a pilha possui tensão e corrente contínua, por isso a chave foi girada para a esquerda e não para a direita.

Observe também que na imagem acima a chave seletora já está posicionada para 20 Volts que é a escala mais próxima da tensão da pilha de 1,5 Volts.

Em seguida, para fazer a medição de forma correta nós conectamos o ponto de prova aos bornes, confira abaixo.

Ligar a ponta de prova ao borne do multímetro

Assim como no exemplo anterior, você precisa conectar a ponta de prova vermelha no borne do meio.

E a ponta de prova preta no borne COM, conforme a imagem abaixo.

Como utilizar o multímetro para medir tensão de uma pilha

Agora, basta conectar a ponta dos pontos de prova vermelha no polo positivo.

E em seguida, a ponta do outro ponto de prova preta no polo negativo do elemento que será testado e descobrir o valor da tensão pilha.

Agora vamos descobrir como utilizar o multímetro digital para medir a resistência elétrica em um multímetro digital, confira abaixo.

Como utilizar o multímetro para medir a resistência elétrica

Nos exemplos anteriores nós já aprendemos como usar o multímetro e descobrir a tensão em uma tomada e também em uma pilha.

Agora, nós precisamos descobrir como utilizar o multímetro digital para medir a resistência elétrica.

Neste exemplo prático, vamos conferir no multímetro o valor de uma resistência estimada de 33 ohms.

Para fazer a medição de forma correta nós conectamos a ponto de prova vermelha no borne do meio e a ponta de prova preta no borne COM.

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo de como ficará a ligação do borne e as pontas de provas.

Como utilizar o multímetro e medir a resistência elétrica

Observe na imagem acima, que a chave seletora foi girada para a escala de 200 ohms e o valor encontrado foi de 33,6 ohms de resistência elétrica do componente.

Este valor de resistência é o menor valor disponível no multímetro e o mais próximo da resistência estimada de 33 ohms do nosso exemplo acima.

Mas caso você não saiba o valor da resistência, confira a orientação abaixo.

Orientação sobre o uso do multímetro

Neste caso, uma orientação seria usar uma escala maior como 2000K ou 2 mega-ohms.

E outra opção seria fazer o deslocamento da chave seletora para escalas de menor valor.

E até obter a leitura com maior número de dígitos possível antes do ponto decimal.

Agora vamos descobrir como utilizar o multímetro digital para medir a corrente elétrica, confira abaixo.

Como utilizar o multímetro para medir a corrente elétrica

Nos exemplos anteriores nós explicamos como usar o multímetro para determinar a tensão e a resistência elétrica.

Agora nós iremos aprender como utilizar o multímetro para medir a corrente elétrica.

Mas é importante destacar que muitos profissionais preferem não utilizar o multímetro para realizar a medição da corrente elétrica.

E isso acontece porque para fazer esta medição, é necessário interromper o circuito e colocar as pontas de prova em série com os demais elementos do circuito.

Além disso, é possível fazer essa medição  através de um dispositivo chamado alicate amperímetro.

Como usar o multímetro e descobrir a corrente elétrica

Neste exemplo, para fazer a medição da corrente elétrica contínua nesse multímetro digital da RONTEK, vamos seguir os mesmos passos conforme os exemplos acima.

Na imagem abaixo é possível visualizar uma seta indicando as escalas de corrente elétrica do multímetro.

Como utilizar o multímetro e descobrir a corrente elétrica

Primeiro você precisa girar a chave seletora para a posição da escala de corrente elétrica desejada ou aproximada.

Agora nós precisamos conectar os pontos de prova aos bornes, confira.

Ligar pontos de prova aos bornes

Em seguida, para fazer a medição de forma correta nós conectamos a ponto de prova vermelha no borne do meio e a ponta de prova preta no borne COM.

Agora, basta conectar a ponta dos pontos de prova vermelha no polo positivo.

E a ponta do outro ponto de prova preta no polo negativo do elemento que será testado, semelhante ao que aprendemos nos exemplos acima.

Mas é importante destacar que estamos considerando um exemplo com corrente elétrica contínua inferior a 10A.

Por isso, é importante lembrar que nos exemplos acima nós usamos o borne do meio para a ponta de prova vermelha e o borne COM para a ponta de prova preta, confira.

Como utilizar o multímetro e os três bornes

Mas se por algum motivo a corrente elétrica for superior a esse valor de 10A, então a ponta de prova vermelha do multímetro deve ser trocada do borne do meio para o borne de cima.

Além disso, é importante destacar que o multímetro digital foi projetado para suportar um limite de corrente elétrica e deve ser compatível com o circuito que será medido.

Como evitar riscos elétricos no multímetro digital

Todo equipamento elétrico é projetado para suportar um determinado limite de corrente elétrica e o multímetro não é diferente.

Por exemplo, a passagem de 200 A por um multímetro projetado para 10 A ocasionará o rompimento do fusível.

Por isso, é muito importante observar se o limite de amperagem estará indicado no aparelho ou no manual do produto.

Neste caso, alguns profissionais da área preferem não interromper o circuito, já que seria necessário colocar as pontas de prova em série com os demais elementos do circuito.

Para fazer essa medição é utilizado o alicate amperímetro que funciona como um multímetro, mas isso é assunto para outro artigo.

Mas antes de finalizar este artigo que explica como utilizar o multímetro digital, leia as nossas recomendações abaixo.

Mais informações sobre como utilizar o multímetro

No artigo acima nós explicamos como utilizar o multímetro digital na prática e descobrir o valor da tensão, corrente e resistência elétrica.

Mas é importante destacar que nós já fizemos um artigo completo explicando tudo sobre o multímetro digital.

Por isso, se você tiver interesse, então acesse o artigo acima para saber mais.