Elétrica

3 tipos de curvas dos disjuntores e para que elas servem

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 20/05/2022
Junte-se a mais de 20.000 pessoas

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabe o que são as curvas dos disjuntores e para que elas servem na prática?

Neste artigo você vai descobrir o que são as curvas dos disjuntores, para que eles servem, quais são os três tipos e como isso é importante na prática.

Além disso, você vai descobrir qual o tipo de curva do disjuntor ideal para o chuveiro e para o ar condicionado.

Portanto, se você quer aprender mais sobre esse assunto, então continue lendo esse artigo. Nele você vai aprender mais sobre:

Gostou do que vem por aí? Então não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos nas redes sociais, para que eles possam entender como funciona as curvas dos disjuntores.

Mas antes de ler este artigo completo, conheça nossos 3 cursos com certificado reconhecido e descubra porque 2000 alunos tiveram resultados.

Curso de Projeto Elétrico na Prática

Curso de projeto elétrico na prática com engenheiro eletricista Anderson Campos

Acesse o botão verde abaixo e descubra finalmente como elaborar projetos elétricos da teoria a prática.

Curso de Eletricista Instalador

Curso de eletricista instalador com Ricardo Serpa

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como se tornar ser um eletricista instalador muito bem remunerado.

Curso de Comandos Elétricos

Curso de comandos elétricos com Jair Maciel dos Santos

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como fazer montagem e manutenção de comandos elétricos industriais e sistemas automatizados.

Escolha um dos cursos acima para saber mais e faça a sua inscrição hoje com até 50% desconto em 12x no cartão, PIX ou boleto a vista e ainda ganhe bônus exclusivos.

3 tipos de curvas dos disjuntores

Nos artigos anteriores nós explicamos sobre o funcionamento dos disjuntores.

Mas não podemos deixar de explicar o que são as curva de disjuntores.

Neste caso, a curva de disparo ou ruptura do disjuntor é o tempo em que o disjuntor suporta uma corrente acima da corrente nominal por determinado tempo.

Também é importante relembrar que os disjuntores têm uma margem de tolerância para esse pico de corrente elétrica.

Além disso, para cada tipo de carga foi estipulado uma curva de ruptura para o disjuntor e essas curvas foram separadas em categorias.

Tipos de curvas dos disjuntores

Podemos classificar os disjuntores pelas suas curvas de desarme ou disparo.

Na prática, podemos citar três tipos de curvas dos disjuntores como as curvas B, curva C e a curva D.

Então vamos explicar agora o que são as curvas dos disjuntores do tipo B, confira abaixo.

Curvas dos disjuntores do tipo B

Os disjuntores com curvas do tipo B são os disjuntores utilizados para realizar a proteção de equipamentos que possuam alguma característica resistiva.

Mas qual seria esses equipamentos, é o que vamos conferir agora.

Onde usar curvas dos disjuntores do tipo B

Neste caso, podemos citar alguns exemplos como aquecedores, chuveiros elétricos.

Além disso, também podemos citar outros exemplos como fornos elétricos, tomadas, lâmpadas incandescentes, entre outros.

Corrente de ruptura para curvas dos disjuntores tipo B

Na prática, a curva de ruptura B para um disjuntor estipula, que sua corrente de ruptura está compreendida entre 3 e 5 vezes a corrente nominal.

Neste caso, um disjuntor de 10 A nesta curva deve operar quando sua corrente atingir entre 30 A a 50 A.

Agora nós vamos aprender sobre os tipos de curvas dos disjuntores do tipo C, confira abaixo.

Curvas dos disjuntores do tipo C

De maneira resumida, o disjuntor de curva C é ideal para as cargas de característica indutiva.

Mas onde usar esse tipo de disjuntor e para quais tipos de equipamentos ou circuitos, é o que vamos entender agora.

Onde usar curvas dos disjuntores do tipo C

Os disjuntores de curva C devem ser usados para equipamentos como por exemplo máquinas de lavar roupas.

Outro exemplo são circuitos de lâmpadas fluorescentes, e em motores elétricos, entre outros.

Além disso, também podemos citar que esse tipo de curva de disjuntor é ideal para ar condicionados.

Corrente de ruptura para curvas dos disjuntores tipo C

O disjuntor de curva C tolera de 5 a 10 vezes a mais em relação à corrente nominal.

Neste caso, um disjuntor de 10 A nesta curva deve operar quando sua corrente atingir entre 50 A a 100 A.

Então vamos explicar agora o que são as curvas dos disjuntores do tipo B, confira abaixo.

Curvas dos disjuntores do tipo D

Já o disjuntor de curva D é mais indicado para as cargas que contam com grande corrente de partida.

Mas onde usar esse tipo de disjuntor e para quais tipos de equipamentos ou circuitos, é o que vamos entender agora.

Onde usar curvas dos disjuntores do tipo D

Normalmente, os disjuntores residenciais não são da curva D.

Isso acontece porque esse tipo de disjuntor de curva D é muito comum em indústrias.

Além disso, é importante lembrar que essa tolerância é para o pico de corrente e não para o uso contínuo.

E um grande exemplo da necessidade desse tipo de disjuntor é para os transformadores de baixa tensão.

Corrente de ruptura para curvas dos disjuntores tipo D

Na prática, o disjuntor de curva D, no entanto, tolera de 10 a 20 vezes a mais em relação à corrente nominal.

Mas é importante sempre consultar os catálogos dos fabricantes para verificar as orientações de cada fabricante.

Mas antes de finalizar este artigo sobre as curvas de disjuntores, é importante destacar que muitas pessoas têm dúvidas sobre qual o tipo de curva de disjuntor para o chuveiro e para o ar condicionado.

Neste caso, vamos citar o exemplo de curvas dos disjuntores ideal para o chuveiro e também para o ar condicionado,

Vamos começar a citar o exemplo de curva de disjuntor para chuveiro, confira abaixo.

Curvas dos disjuntores para chuveiro

Antes de responder qual deve ser o tipo de curvas dos disjuntores para chuveiro.

É importante destacar que nós já fizemos um artigo completo que ensina como calcular o disjuntor para o chuveiro elétrico.

E nesse artigo nós explicamos sobre também sobre o tipo de curva de disjuntores para chuveiro, então confira o artigo acima.

Mas qual seria a curva dos disjuntores ideal para o chuveiro elétrico, é o que vamos verificar agora.

Qual a curva de disjuntores para chuveiro

Outro fator importante na hora de escolher o disjuntor é escolher a curva de ruptura.

Neste caso, ela está relacionada ao tempo que o disjuntor suporta uma corrente acima da corrente nominal e a quantidade a mais de corrente acima da nominal.

Como estamos falando de disjuntor para chuveiro.

Então neste caso, o recomendável seria utilizar um disjuntor com curva B.

Porque escolher a curva do disjuntor tipo B

Existem vários tipos de curva de ruptura, destacamos aqui as três mais utilizadas, são as B, C e D.

Isso acontece porque esse tipo de disjuntor com curva B é o mais recomendável para circuitos com cargas resistivas.

E como nós já sabemos, o circuito do chuveiro é um circuito resistivo.

Onde são usados curvas dos disjuntores tipo B

Os disjuntores de curva B são utilizados em redes de baixa intensidade (baixa demanda de corrente em caso de curto circuito).

Neste caso, podemos citar o exemplo de instalações elétricas residenciais, tomadas, equipamentos domésticos, chuveiro, entre outros.

Outra dúvida muito comum também está relacionada a outro equipamento muito usado que é o ar condicionado.

Neste caso, qual seria o tipo de curva de disjuntores ideal para o ar condicionado, é o que vamos explicar agora.

Curvas dos disjuntores para ar condicionado

Mas antes de começar a explicar o tipo de curva de disjuntor para ar condicionado.

É importante relembrar que nós também já fizemos um artigo completo que ensina como calcular o disjuntor para ar condicionado.

E neste artigo nós explicamos passo a passo sobre os tipos de curvas de disjuntores e outros assuntos importantes.

E se você tiver interesse, pode acessar o artigo acima para saber mais.

Qual o tipo de curva de disjuntor para ar condicionado

Como dissemos acima, os disjuntores são classificados como disjuntores de curva B, curva C e curva D.

E neste caso, o disjuntor para ar condicionado deve ser escolhido como disjuntor de curva C.

Porque o disjuntor do ar condicionado é de curva C, é o que vamos entender agora.

Porque o disjuntor do ar condicionado é de curva C

Esse tipo de disjuntor da curva C é ideal para as cargas de característica indutiva.

Ou seja, estamos falando de equipamentos como máquinas de lavar roupas, lâmpadas fluorescentes, motores elétricos, entre outros.

Além disso, o disjuntor de curva C tolera de 5 a 10 vezes a mais em relação à corrente nominal.

E o disjuntor para ar condicionado é um exemplo desse tipo de variação.

Mais informações sobre curvas dos disjuntores

É importante destacar que os disjuntores podem ser classificados quanto aos tipos de curvas dos disjuntores.

Mas também podem ser classificados como disjuntores monopolares, bipolares e tripolares

Além disso, temos os tipos de disjuntores térmicos, magnéticos e eletromagnéticos que são os mais utilizados.

Por isso, nós já fizemos um artigo completo explicando tudo sobre os disjuntores.

Então se você tiver mais dúvidas, acesse o artigo acima para saber mais.