Elétrica

Para que serve um termopar tipo B e onde ele é usado

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 10/09/2022
Junte-se a mais de 20.000 pessoas

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabe para que serve o termopar tipo B?

Neste artigo, você vai descobrir o que é um termopar tipo B, para que ele serve e onde ele deve ser utilizado na prática.

Portanto, se você quer aprender mais sobre esse assunto, então continue lendo esse artigo. Nele você vai aprender sobre:

E se você gostou do que vem por aí, então não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos nas redes sociais, para que eles possam conhecer o termopar tipo B na prática.

Mas antes de ler este artigo completo, conheça nossos 3 cursos com certificado reconhecido e descubra porque 2000 alunos tiveram resultados.

Curso de Projeto Elétrico na Prática

Curso de projeto elétrico na prática com engenheiro eletricista Anderson Campos

Acesse o botão verde abaixo e descubra finalmente como elaborar projetos elétricos da teoria a prática.

Curso de Eletricista Instalador

Curso de eletricista instalador com Ricardo Serpa

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como se tornar ser um eletricista instalador muito bem remunerado.

Curso de Comandos Elétricos

Curso de comandos elétricos com Jair Maciel dos Santos

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como fazer montagem e manutenção de comandos elétricos industriais e sistemas automatizados.

Escolha um dos cursos acima para saber mais e faça a sua inscrição hoje com até 50% desconto em 12x no cartão, PIX ou boleto a vista e ainda ganhe bônus exclusivos.

O que é um termopar tipo B

O sensor termopar tipo B possui características muito próximas aos modelos R e S e são considerados termopares nobres.

Ou seja, são aqueles tipos de termopares onde os pares são constituídos de platina.

Na prática, o termopar tipo B é formado por um fio de uma liga metálica constituída por Platina e 30% de Ródio como elemento positivo.

E por um fio de uma liga metálica constituída por Platina e 6% de Ródio como elemento negativo.

De maneira resumida, esse tipo de sensor de temperatura é mais estável com sensibilidade reduzida.

E apresentam uma maior estabilidade da tensão gerada, e com uma maior resistência mecânica quando inserido em elevadas temperaturas.

Confira abaixo um exemplo de um termopar tipo S.

Exemplo de um termopar tipo B

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo de um termopar do tipo B, confira abaixo.

Termopar tipo B

Neste caso, podemos destacar também algumas características do termopar do tipo B, confira abaixo.

Confira algumas características desse tipo de sensor termopar tipo B.

  • Termoelemento positivo (BP): Pt70,4%Rh29,6% (Ródio-Platina)
  • Termoelemento negativo (BN): Pt93,9%Rh6,1% (Ródio-Platina)
  • Faixa de utilização: 0 °C a 1820 °C
  • f.e.m. produzida: 0,000 mV a 13,820 mV

Mas então para que serve o termopar tipo B, é o que vamos explicar agora.

Para que serve o termopar tipo B

O termopar tipo B serve para medir temperaturas acima dos 300°C e até 1800°C.

Isso acontece, porque diferente de outros termopares, este origina a mesma temperatura na saída a 0 e a 42 °C, o que impede a sua utilização abaixo dos 50 °C.

Em compensação, ele utiliza cabos de extensão de cobre comum desde que a sua conexão com o termopar esteja neste intervalo (0 °C a 50 °C).

Mas é importante destacar que os demais termopares necessitam de cabos de ligação com o mesmo material do termopar.

Neste caso, estarão sob o risco de formarem com o cobre um “outro termopar”, se a conexão estiver a temperatura diferente do instrumento de processamento do sinal (p.ex. transmissor)

Mas onde é usado o termopar tipo B, é o que vamos descobrir agora.

Onde é usado o termopar tipo B

O termopar tipo B pode ser utilizado em atmosferas oxidantes, inertes e, por um curto espaço de tempo, no vácuo.

No entanto, ele não deve ser usado em atmosferas redutoras ou que contenham vapores, tanto metálicos quanto não metálicos.

Esse equipamento não deve ser inserido diretamente num tubo de proteção primário metálico, e requer a utilização de isoladores e tubos de proteção cerâmicos de alta alumina.

Mas antes de finalizar esse artigo que explica para que serve o sensor termopar tipo B, confira essas recomendações abaixo.

Mais informações sobre termopar tipo B

No artigo acima, nós explicamos o que é um termopar tipo B, para que ele serve e também onde esse tipo de termopar deve ser usado na prática.

Mas é importante relembrar que nós já fizemos um artigo completo explicando cada um dos tipos de termopares, para que eles servem e como eles funcionam na prática.

Por isso, se você tiver interesse, então acesse o artigo acima para saber mais.