Elétrica

O que é EPC e EPI e para que eles servem na prática

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 12/09/2022
Junte-se a mais de 20.000 pessoas

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você sabe o que é EPC e EPI?

Nesse artigo, você vai descobrir  o que é EPC e EPI na prática, para que eles servem e onde são mais usados na prática.

Então, se você quer aprender mais sobre esse assunto, então continue lendo esse artigo. Nele você vai aprender sobre:

E se você gostou do que vem por aí, então não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos nas redes sociais, para que eles possam descobrir o que é EPC e EPI.

Mas antes de ler este artigo completo, conheça nossos 3 cursos com certificado reconhecido e descubra porque 2000 alunos tiveram resultados.

Curso de Projeto Elétrico na Prática

Curso de projeto elétrico na prática com engenheiro eletricista Anderson Campos

Acesse o botão verde abaixo e descubra finalmente como elaborar projetos elétricos da teoria a prática.

Curso de Eletricista Instalador

Curso de eletricista instalador com Ricardo Serpa

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como se tornar ser um eletricista instalador muito bem remunerado.

Curso de Comandos Elétricos

Curso de comandos elétricos com Jair Maciel dos Santos

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como fazer montagem e manutenção de comandos elétricos industriais e sistemas automatizados.

Escolha um dos cursos acima para saber mais e faça a sua inscrição hoje com até 50% desconto em 12x no cartão, PIX ou boleto a vista e ainda ganhe bônus exclusivos.

O que é EPC e EPI 

O EPC e o EPI são equipamentos obrigatórios que devem ser fornecidos pela empresa aos trabalhadores para garantir a segurança em atividades durante a execução no trabalho.

Neste caso, é importante destacar que o EPI são os equipamentos de proteção Individual, enquanto os EPC são os equipamentos de proteção coletiva.

Mas então para que servem o EPC e o EPI na prática, é o que vamos entender agora.

Pra que serve o EPC e o EPI

O EPC e o EPI servem para auxiliar no ambiente de trabalho e ajudar a reduzir ou evitar acidentes de trabalho.

Na prática, eles devem minimizar perdas e aumentar a produtividade na empresa, oferecendo um local de trabalho mais seguro principalmente aos trabalhadores.

Neste caso, podemos citar o exemplo de um funcionários durante  a execução do serviço ou a qualquer terceiro que esteja transitando pelo ambiente.

Mas então qual seria a diferença entre o EPC e o EPI, é o que vamos descobrir agora.

Qual a diferença entre EPC e EPI

Muitas pessoas têm dúvidas e confundem essas duas siglas importantes, mas a verdade é que há uma grande diferença entre elas.

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo dos tipos de EPC e os tipos de EPI mais usados, confira.

O que é EPC e EPI e quais os tipos de equipamentos

Na imagem acima do lado esquerdo temos alguns EPCs ou equipamentos de proteção coletiva.

O EPI tem por objetivo prevenir os riscos físicos do trabalhador de maneira individual.

E do lado direito temos os EPIs ou os equipamentos de proteção individual usados pelos trabalhadores.

Neste caso, podemos citar o exemplo de óculos, capacetes, luvas, calçados de segurança e outros equipamentos obrigatórios.

E o EPC é o equipamento de proteção coletiva que irá proteger todos os trabalhadores e pessoas envolvidas.

E neste caso, podemos citar o uso de cones, placas, faixas e outros equipamentos relacionados à sinalização do ambiente de trabalho.

Por isso, a aprovação desses equipamentos devem passar por uma avaliação que deve determinar quais são os equipamentos de proteção necessários para cada setor e atividade.

Mas onde são usados o EPI e o EPC, é o que vamos entender agora.

Onde usar o EPC e EPI

Existem vários tipos de EPC e EPI e eles podem ser usados conforme o tipo de atividade.

Neste caso, podemos citar o uso mais comum na construção civil e nas indústrias de vários segmentos.

Mas é importante destacar que eles também são fundamentais para profissionais da área elétrica.

E principalmente em situações quando estão expostos à alta tensão, como manutenção de redes elétricas.

Exemplos de uso do EPC e EPI

Também podemos citar vários exemplos do uso de EPC e EPI como em postos de combustíveis, bases de armazenamento de derivados de petróleo, refinarias e plataformas de exploração.

Ou locais com risco de formação de gases, que demandam sistemas de exaustão, hospitais e clínicas de saúde e radiologia.

E também em atividades em que os trabalhadores ficam expostos à radiação e ambientes com enclausuramento de fontes de ruídos.

Mas antes de finalizar este artigo que explica o que é EPC e EPI, confira as nossas recomendações abaixo.

Mais informações sobre EPC

No artigo acima, nós explicamos o que é EPC E EPI e onde eles são usados na prática.

Mas é importante destacar que nós já fizemos um artigo completo explicando para que serve o EPC para eletricistas.

E também quais são os tipos de EPC e qual a diferença para EPI na instalação elétrica.

Por isso, se você tiver interesse, então acesse o artigo acima para saber mais.