Elétrica

5 tipos de sensores de temperatura e para que servem

Mardey Costa
Escrito por Mardey Costa em 05/09/2022
Junte-se a mais de 20.000 pessoas

Cadastre seu email e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

Você conhece os tipos de sensores de temperatura?

Neste artigo, você vai descobrir quais são os cinco tipos de sensores de temperatura e para que eles servem na prática.

Portanto, se você quer aprender mais sobre esse assunto, então continue lendo esse artigo. Nele você vai aprender sobre:

E se você gostou do que vem por aí, então não deixe de compartilhar este artigo com seus amigos nas redes sociais, para que eles possam conhecer esses tipos de sensores de temperatura.

Mas antes de ler este artigo completo, conheça nossos 3 cursos com certificado reconhecido e descubra porque 2000 alunos tiveram resultados.

Curso de Projeto Elétrico na Prática

Curso de projeto elétrico na prática com engenheiro eletricista Anderson Campos

Acesse o botão verde abaixo e descubra finalmente como elaborar projetos elétricos da teoria a prática.

Curso de Eletricista Instalador

Curso de eletricista instalador com Ricardo Serpa

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como se tornar ser um eletricista instalador muito bem remunerado.

Curso de Comandos Elétricos

Curso de comandos elétricos com Jair Maciel dos Santos

Acesse o botão verde abaixo para descobrir como fazer montagem e manutenção de comandos elétricos industriais e sistemas automatizados.

Escolha um dos cursos acima para saber mais e faça a sua inscrição hoje com até 50% desconto em 12x no cartão, PIX ou boleto a vista e ainda ganhe bônus exclusivos.

5 tipos de sensores de temperatura

Os sensores de temperatura  são responsáveis por detectar a temperatura a partir de uma característica física correspondente do dispositivo.

Neste caso, ela pode acontecer a partir de uma resistência elétrica, o campo eletromagnético (EMF) ou radiação térmica.

Por isso, nós vamos destacar abaixo os cinco tipos de sensores de temperatura mais comuns, confira.

Tipos de sensores de temperatura termopar

Os tipos de sensores de temperatura termopar representam o tipo de sensor com alta precisão e muito sensível a pequenas mudanças de temperatura.

Esse tipo de sensor é feito por um par de fios de metal com propriedades diferentes unidos em uma extremidade e consegue identificar mudanças rápidas no ambiente.

Neste caso, confira agora um exemplo prático desse tipo de sensor.

Exemplo de sensores termopar

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo do tipo de sensor de temperatura termopar, confira.

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo de um sensor de temperatura PT100 simples da fabricante Salcas com ligação de três fios, classe B, bainha em Aço Inox AISI 304 com diâmetro de 6mm e cabeçote em alumínio para fundição.

Tipos de sensores de temperatura termopar

É importante destacar que o modelo acima foi fabricado com conexão elétrica e transmissor de temperatura acoplado ao cabeçote na faixa de medição de 0 a 50ºC.

Neste caso, com saída de 4 a 20 mA e conexão ao instrumento através de rosca fixa de 1/2″BSP.

e também com poço usinado em Aço Inox AISI 304, rosca de conexão ao processo 1/2″BSP e comprimento de inserção da haste de 150 mm.

Mas quais as vantagens e desvantagens dos tipos de sensores termopar, é o que vamos explicar agora.

Vantagens e desvantagens do sensor termopar

O sensor de temperatura termopar é uma excelente opção para fazer medições automatizadas de baixo custo e duráveis.

Mas também é importante destacar que esse tipo de sensor pode gerar erros causados ​​por seu uso durante um longo período de tempo.

Outro detalhe está relacionado ao fato de que duas temperaturas são necessárias para fazer medições.

E por último, é importante destacar também que os materiais termopar também podem estar sujeitos à corrosão e isso pode afetar a tensão termoelétrica.

Mas também temos os tipos de sensores de temperatura de resistência que vamos conhecer agora..

Tipos de sensores de temperatura de resistência (RTD)

Os tipos de sensores de temperatura de resistência ou RTDs é um tipo de sensor feito através de um enrolamento de fio que exibe mudanças na resistência com mudanças de temperatura.

Na prática, a  platina é o material mais comum a ser usado neste tipo de sensor de temperatura.

Neste caso, quanto mais quentes eles se tornam, maior o valor de sua resistência elétrica.

Por isso, confira agora um exemplo prático desse tipo de sensor de resistência.

Exemplo de sensores RTD

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo do tipo de sensor de temperatura de resistência RTD PT100 com 3 fios de dois metros.

Tipos de sensores de temperatura de resistência (RTD)

O RTD PT100 é apenas um acessório de substituição do seu dispositivo, e possui as seguintes especificações abaixo.

  • Tipo: PT100.
  • Classe de tolerância: classe A
  • Faixa de medição: -50 ~ 300 ℃ (-58 ~ 572 ℉)
  • Comprimento total do cabo: 2 metros (6,5 pés, incluem a sonda)
  • Comprimento da sonda: 50mm
  • Diâmetro da sonda: 6mm
  • Tópico: 1/2 “NPT
  • Material da sonda: aço inoxidável 304
  • Terminal: 3 garfos isolados

Mas quais as vantagens e desvantagens dos tipos de sensores de temperatura de resistência, é o que vamos explicar agora.

Vantagens e desvantagens do sensor de resistência

Esse tipo de sensor de temperatura a resistência é fácil de calibrar e fornece leituras muito precisas.

Na prática, ele também possui uma saída estável por longos períodos de tempo.

Mas a desvantagem desse tipo de sensor está relacionado ao seu custo inicial com um design menos robusto.

Além disso, eles operam em uma faixa de temperatura menor.

Agora nosso próximo passo é conhecer os tipos de sensores de temperatura termistor confira.

Tipos de sensores de temperatura termistor

Os tipos de sensores de temperatura do tipo termistor são muito sensíveis à alteração de temperaturas.

Na prática, esse tipo de sensor só tem a capacidade de trabalhar com um nível de temperatura limitado.

Isso acontece porque o termistor é um dispositivo semicondutor com uma resistência elétrica proporcional à temperatura.

Neste caso, podemos citar dois tipos que são o termistor com coeficiente de temperatura negativo (NTC), onde a resistência cai de forma não linear com o aumento da temperatura.

E o termistor com coeficiente de temperatura positivo (PTC), onde a resistência aumenta à medida que a temperatura aumenta.

Por isso, confira agora um exemplo prático desse tipo de sensor de temperatura termistor.

Exemplo de sensores termistor

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo do tipo de sensor de temperatura termistor, confira.

Tipos de sensores de temperatura termistor

Na imagem acima temos o modelo de termistor NTC 3950 10K SUS304 OD 6mm.

O comprimento da sonda é de 1,40m ~ 150 Graus rosca G1/2 tubo L30mm-300mm.

Mas quais as vantagens e desvantagens dos tipos de sensores de temperatura de termistores, é o que vamos explicar agora.

Vantagens e desvantagens do sensor termistor

Uma vantagem a ser destacada desse tipo de sensor de temperatura está relacionado ao seu tamanho que é pequeno e também ao seu alto grau de estabilidade.

Neste caso, os NTCs também são duradouros e muito precisos.

Mas é importante destacar que ele possui algumas desvantagens como por exemplo a  sua não linearidade e também a sua inadequação para uso em temperaturas extremas.

Agora o nosso próximo passo será conhecer os tipos de sensores de temperatura infravermelho sem contato, confira.

Tipos de sensores de temperatura infravermelho sem contato

Os sensores de temperatura infravermelho sem contato são muito usados onde a medição direta de temperatura não é possível.

Neste caso, a luz recebida é convertida em um sinal elétrico que corresponde a uma determinada temperatura.

Por isso, ele absorve radiação infravermelha (IR) emitida por uma superfície aquecida.

Confira abaixo um exemplo prático desse tipo de sensor de infravermelho sem contato.

Exemplo de sensores infravermelhos sem contato

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo do tipo de sensor infravermelho sem contato, confira.

Tipos de sensores de temperatura infravermelho sem contato

Esse tipo de sensor infravermelho acima pertence a série OS130A da OMEGA.

Ele oferece um conjunto de sensor/transmissor de baixo custo e alta performance em uma carcaça de inox 316 de alta resistência.

Mas quais as vantagens e desvantagens dos tipos de sensores de temperatura de infravermelho sem contato, é o que vamos explicar agora.

Vantagens e desvantagens do sensor de temperatura infravermelho sem contato

Esse tipo de sensor de temperatura infravermelho sem contato possui algumas vantagens como a isolação da fonte a ser medida.

Além disso, ele também possui pontaria a laser e é considerado fácil de usar.

Mas é importante destacar que esse tipo de sensor possui um alto custo.

Além disso, ele precisa de energia elétrica para realizar a medição.

E por último, vamos conhecer os tipos de sensores de temperatura com interruptor bimetálico, confira.

Tipos de sensores de temperatura com interruptor bimetálico

Os tipos de sensores de temperatura com interruptor bimetálico usam uma mola bimetálica como elemento principal do sensor de temperatura.

Geralmente, essa mola helicoidal é feita de dois tipos diferentes de metais que são presos juntos.

Confira abaixo um exemplo prático desse tipo de sensor de temperatura com interruptor bimetálico.

Exemplo de sensores com interruptor bimetálico

Na imagem abaixo é possível visualizar um exemplo do tipo de sensor com interruptor bimetálico, confira.

Tipos de sensores de temperatura com interruptor bimetálico

Na imagem acima temos o interruptor térmico bimetálico 608301 series da fabricante Jumo.

Mas quais as vantagens e desvantagens dos tipos de sensores de temperatura de com interruptor bimetálico, é o que vamos explicar agora.

Vantagens e desvantagens do sensor de temperatura com interruptor bimetálico

E esse tipo de sensor de temperatura com interruptores bimetálicos são considerados de baixo custo e resistentes.

Além disso, eles também são considerados fáceis de instalar e usar com boa precisão e ainda possuem uma ampla faixa de temperaturas.

Mas é importante destacar que esse tipo de sensor possui apenas alguns tipos de indicação que estão disponíveis.

Além disso, podemos citar a não possibilidade de mudança de calibração devido ao uso ou ao ambiente.

Outro detalhe importante é que esses interruptores bimetálicos não são tão precisos quanto os termômetros de haste de vidro.

Mas antes de finalizar esse artigo sobre os tipos de sensores de temperatura, confira as nossas recomendações abaixo.

Mais informações sobre os tipos de sensores de temperatura

No artigo acima, nós explicamos os cinco tipos de sensores de temperatura mais utilizados.

É importante lembrar que nós já fizemos um artigo completo, explicando passo a passo cada um dos tipos de sensor de temperatura e suas características.

Além disso, nós também já fizemos um artigo completo explicando o que é o sensor PT100, para que ele serve, quais os tipos e como ele funciona na prática.

Por isso, se você tiver interesse, então acesse o artigo acima para saber mais.